SEJA BEM-VINDO!!!

segunda-feira, fevereiro 09, 2009

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO MANTÉM MÉTODO ANTIGO DE ATRIBUIÇÃO DE AULAS - POR ENQUANTO

Segunda - feira, 09 de Fevereiro de 2009 - 12h00

Atribuição de aulas no Estado será pelo modelo antigo para garantir
início do ano letivo no dia 16
Secretaria de Estado da Educação insistirá na Justiça para que professores possam ser avaliados se sabem conteúdos básicos


A Secretaria de Estado da Educação está determinando que suas Diretorias de Ensino realizem a partir de amanhã, terça-feira, 10 de fevereiro, o processo de atribuição de aulas a professores temporários pelo método antigo, utilizado em 2008: classificação por tempo de serviço e títulos. A medida tem o objetivo de garantir que as aulas comecem em 16 de fevereiro sem qualquer falta de professores.
No primeiro semestre de 2008 a Secretaria estipulou que uma prova iria se juntar ao tempo de serviço e títulos na atribuição de 2009. Esta prova avaliaria se os professores tinham conhecimento sobre a Proposta Curricular do Estado, ou seja, sobre o que deve ser ensinado em sala de aula. A prova aconteceu em 17 de dezembro, mas a Apeoesp (um dos sindicatos que representam os professores) entrou, dias depois, com pedido na Justiça e conseguiu invalidar a avaliação. Em seguida a liminar foi derrubada na Justiça, mas a Apeoesp insistiu contra a avaliação, conseguindo nova liminar em 4 de fevereiro.
Desde esta data o governo do Estado tenta reverter a decisão judicial. Como a atribuição de aulas está marcada para esta terça-feira, para que o ano letivo inicie (em 16 de fevereiro) sem qualquer falta de professores a Secretaria decidiu adotar o modelo antigo. O governo do Estado continuará a defender na Justiça a avaliação de professores, com apoio da Procuradoria Geral do Estado (PGE).
“A prova para professores temporários é parte de um grande processo, iniciado em 2007, para garantir maior qualidade do ensino. Trata-se de um conjunto de medidas, que inclui premiação por desempenho, aumento da infra-estrutura nas escolas, reforço da atividade pedagógica, reorganização do currículo e redução das faltas de professores”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.
A classificação dos professores pelo modelo antigo (sem a prova) está disponível no site da Secretaria: www.educacao.sp.gov.br. A prova para os temporários teve 214 mil inscritos – 114 mil de fora da rede e 100 mil que já eram temporários em 2008. Com a medida da Apeoesp contra a avaliação de professores, agora os 114 mil de fora da rede, como não têm tempo de serviço, tendem a ficar para trás na classificação para atribuição de aulas.
“Os professores temporários têm uma importante participação na rede. É fundamental que os alunos tenham os melhores professores nas salas de aula. Mas, com a Apeoesp contra a avaliação de professores na Justiça, sem a possibilidade de reversão imediata da liminar, resolvemos utilizar o modelo antigo”, diz Maria Helena.
____________________________________
Fonte: http://www.educacao.sp.gov.br/

Um comentário:

cinira disse...

Silvana o governo diz que tem que avaliar os professores temporários saem pelas televisóes dizendo que a maioria desses proficionais que entrarão nas salas de aulas são incompetentes para tal função,pois bem talvez o mesmo governo possa nos explicar o real significado de competencia, pois ele é o maior exemplo de que não entende muito do que é alfabetizar uma criança.
Até o ano passado ele demonstrou não saber nem o que uma criança de 1ª a 4ª série do ensino fundamental necessitava para seus estudos tendo em vista que distribuia o tão anunciado kit que foi carinhosamente apelidado de kit engana trouxa ou kit porcaria, os cadernos eram inadequados, os lapís sem nenhuma condição de apontar e canetas esferográficas as 1ªs serie e 2ªs não usavam, com isso as familias continuavam tendo de comprar todo a material.Estamos no ano 2009 e nossas escolas se utilizam dos famosos mimiógrafos da época da ditadura, afinal para que mandar maquina de xérox ,não dão ibobe vamos mandar dvds televisóes que não temos mas nem lugar para guardá-las.O que dizer dos computadores ele mandou é claro, mas esqueceu-se de que precisam de salas para funcionarem, na minha escola na saleta improvisada cabem 8 pcs as salas contém pelo menos 30 alunos cada o que fazer com os outros alunos? como dividí-los? se na sala cada um senta e não se mexe?temos aulas preparadas para aplicá-las mas como?Quadra nós até gostaríamos de aplicar atividades la mas ela não tem cobertura e o piso é todo quebrado.Em dia de chuva as 3ªs e 4ªs séries passam na chuva para poderem tomar a merenda afinal quando fizeram a reorganização escolar dividiram a escola em duas mas se esqueceram de mudarem a passarela que hoje da em um muro que é gloriossamente apelidado da fronteira entre U.S.A e México o bom é que com isso temos ganchos para estudar história. Ha me desculpe me desviei do assunto a prova de avaliação para os professores, muito bem elaborada e confiável tem preofessores que se inscreveram para duas matérias realizaram uma tiveram notas nas duas e o pior a maior nota foi na prova que não fez, ou aqueles que fizeram a prova e apareceram como ausentes ou quem sabe aqueles que se inscreveram e no dia das provas não acharam seus nomes e foram impedidos de fazerem as tais provas, quanta organização não é?Sou professora efetiva tanto no estado como no municipio e posso garantir que tem muita gente boa ou melhor exelente mas que não passaram no último concurso são proficionais de raça,que sse dedicam mas não conseguem, nervoso , não guardam muito bem as leis mas possuem um pedagogia e uma didática que não se pode avaliar com uma simples prova principalmente mal preparada e sem nenhuma idoniedade.Me desculpe os erros afinal sou só um simples professoria de alfabetização aqui do interior, que acumula cargo afinal o salario não da e tenho filho pra criar e agora com 6 horas de HTP ta mais dificil tantos textos para refletir, tantas apostilas para estudar que não da muito tempo para parar e escrever um texto melhorzinho .
sem mais agradeço a ateção.
"Joio existe em qualquer lugar, ao lado de Jesus, no meio das escolas entre os m´dicos mas principlamente na politica"

Arquivo do blog

AGRADEÇO POR SUA VISITA!